X

Talco na depilação: Qual a função dele? Quais os tipos?

Você sabia que cada vez mais profissionais estão utilizando o talco na depilação? O motivo é simples: a aplicação desse produto antes da cera é uma ótima forma de cuidar da pele e pode evitar muitos problemas após o processo.

É muito comum que as clientes se assustem quando alguém sugere a aplicação do talco, já que o método parece bastante incomum. Mas, com esse artigo, você terá a oportunidade de conhecer as vantagens dessa técnica, independentemente da depilação em casa ou no salão!

Ficou curiosa? Então veja abaixo quais são os três grandes benefícios do talco na depilação:

Remoção da oleosidade


Quando a pele está muito úmida ou oleosa, a aderência da cera não é tão eficaz para a remoção dos pelos. Por isso, o ideal é que antes da aplicação a pele seja devidamente preparada.

Se possível, é interessante esfoliar a região que receberá a cera além de limpar. Assim, você garante que todas as células mortas são removidas.

Depois, você pode aplicar o talco para remover todos os traços de umidade e oleosidade da pele, preparando a região para receber o produto. A cera fica muito mais aderente e fácil de ser removida quando aplicada em uma região seca.

Como a remoção da cera é facilitada, consequentemente a dor de puxar os pelos também diminui. Esse é um dos grandes motivos pelos quais cada vez mais profissionais utilizam essa técnica.

O uso do talco na depilação é recomendado principalmente nas épocas mais quentes do ano (verão e primavera), já que a transpiração costuma ser maior nesses períodos.

Leia também: Qual a melhor cera para depilação

Proteção da pele


Além de remover a oleosidade, o talco também ajuda a proteger a sua pele.

Como você provavelmente já sabe, a depilação com cera pode ser bastante agressiva. Ao criar uma camada protetora com o talco em pó, você diminui as chances de irritações causadas pelo produto.

Versatilidade


O último grande benefício que pode ser citado é a possibilidade de usar o talco independentemente da cera utilizada para depilação. Seja quente, fria, roll-on ou qualquer outra, a aplicação do talco é recomendada para reduzir o risco de danos à pele.

Agora que você já conhece os benefícios desse método, é imprescindível também entender melhor quais são os cuidados que você deve ter com o uso de talco na depilação.

Um desses cuidados é que o talco utilizado deve ser sempre neutro. A fórmula desse produto é recomendada para a pele e a ausência de fragrâncias e outras substâncias químicas reduz as chances de alergias, irritações e outros problemas comuns na depilação.

A versão neutra do talco pode ser encontrada em supermercados e farmácias em grandes quantidades. O valor costuma variar entre R$15 e R$30.

Porém, o grande ponto de atenção é que o talco nunca pode ser utilizado após a depilação. Por mais que seja tentador aplicar o produto para aplacar ardências e outros efeitos, essa técnica é bastante perigosa.

Isso porque após o processo todos os poros da pele estão abertos. Ao aplicar o talco, você aumenta as chances de ter complicações como a foliculite (inflamação do folículo capilar), irritações na pele e entupimento dos poros.

O mesmo serve para o uso de hidratantes. Principalmente se você tem pele oleosa, aplicar qualquer tipo de creme pode aumentar a umidade da pele e causar acne e outras irritações.

Lembre-se: o talco deve ser utilizado sempre antes da depilação!

Para conseguir esse efeito, você pode usar removedores de cera e gel calmante. Esses produtos ajudam a retirar o excesso e acalmar a sua pele após a remoção dos pelos.

Outro fator importante a ser considerado é a utilização de talco somente na depilação com cera, No caso de procedimentos a laser ou luz pulsada, o ideal é seguir as recomendações passadas pelo profissional.

Agora que você já conhece os benefícios do talco na depilação e quais são os cuidados que devem ser tomados, você pode aplicar essa técnica em suas sessões para aproveitar as vantagens e proteger a sua pele de qualquer risco relacionado ao processo!

Gostou do artigo? Então deixe o seu comentário no espaço abaixo e não deixe de conferir mais dicas sobre os diferentes tipos de depilação, cuidados com a sua pele antes e após as sessões e diversos outros temas!